Em Paranaíba idoso de 70 anos é preso por abuso sexual contra garotos de 13 e 15 anos

0
198

Um homem de 70 anos de idade foi preso após a delegada Eva Maira Cogo, da DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher), concluir as investigações e apurar que houve abuso sexual contra dois menores, de 13 e 15 anos.

A delegada concedeu entrevista ao jornalista Márcio Seraguci, na manhã desta segunda-feira (26), no Programa Tribuna Livre da Rádio Difusora.

A Delegacia de Atendimento à Mulher de Paranaíba (DAM) concluiu investigação em que um homem de 70 anos abusou sexualmente de dois adolescentes (13 e 15 anos de idade, este com possível déficit intelectual) na zona rural de Paranaíba.

Uma cabo da Polícia Militar de Campo Grande recebeu denúncia por meio da rede social Facebook de que estariam ocorrendo, de forma reiterada, crimes sexuais contra adolescentes e crianças em uma fazenda em Paranaíba. Tais relatos foram repassadas para a DAM local, delegacia especializada para apurar a veracidade ou não da denúncia.

Iniciadas as diligências investigativas, dois adolescentes confirmaram os abusos e relataram que recebiam doces, bolachas e refrigerantes do suspeito.

A polícia também apurou que o investigado presenteava os pais de uma das vítimas, que seriam alcoólatras, com bebida alcoólica. Em seguida levaria a vítima para passar a noite com ele na propriedade rural com o consentimento dos pais do menor.

Os adolescentes foram submetidos a exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal) os laudos concluíram que havia sinais de atos libidinosos.

Diante dos elementos de informação, a delegada titular da DAM representou pela prisão do investigado, deferida pelo Poder Judiciário e o idoso foi preso.

Os pais de uma das vítimas foram indiciados por estupro de vulnerável por não terem evitado a continuidade dos abusos, mesmo avisados pelo filho acerca da conduta do idoso.

A delegada Eva Maira Cogo esclareceu que ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 anos é crime de estupro de vulnerável punível com pena de 8 a 15 anos, independentemente de consentimento do menor ou de seus genitores.

“A Polícia Civil, por meio da DAM, reafirma o compromisso com a sociedade em SERVIR E PROTEGER e repudia veemente crimes que atentem contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes”, esclarecer a delegada.

A DAM fica na rua Rui Barbosa, nº 1680, Jardim Brasília, próximo ao Paranaíba Tênis Clube. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30h; e das 13h30 às 17h30. Maiores informações no telefone (67) 3503-1266 e (67) 98105-1266 (WhatsApp).