Familiares de médico de Rio Preto morrem em naufrágio de barco

0
1042

Um barco-hotel naufragou no rio Paraguai com 21 pessoas a bordo na sexta-feira, 15, após uma forte tempestade que atingiu a cidade de Corumbá, no Mato Grosso do Sul. Entre vítimas resgatadas está o médico Geovanne Furtado de Souza, de Rio Preto. Ele perdeu quatro familiares no acidente.

Geovanne foi resgatado com vida e sem ferimentos graves. Segundo informações da Polícia Civil de Corumbá, a embarcação tinha 21 pessoas, todos homens da mesma familia. O grupo fazia uma viagem de turismo e pescaria pelo rio Paraguai.

Geovanne é médico urologista e atualmente ocupa cargo na diretoria da Unimed Rio Preto. Neste acidente, ele perdeu pai, tio, cunhado e sobrinho, que estavam na mesma embarcação.

Durante a tempestade, o barco-hotel perdeu a estabilidade e afundou. Com ajuda de um barco do Exército Brasileiro, que passava próximo ao local do acidente, 14 pessoas foram resgatadas, incluindo o médico.

Logo em seguida, com ajuda de mais embarcações, seis corpos foram retirados do rio. Uma pessoa ainda está desaparecida.

Em nota, o Conselho de Administração da Unimed Rio Preto lamentou o acidente e as perdas familiares do médico Geovanne, que integra a diretoria da cooperativa. “Uma fatalidade que consternou a todos. Dr Geovanne passa bem e está no local acompanhando as buscas ao lado do Corpo de Bombeiros”, completou.

A Diretoria da Associação Paulista de Medicina (APM) – Regional de Rio Preto / Sociedade de Medicina e Cirurgia também divulgou nota de pesar pelos familiares do médico.

“A Diretoria da APM, médicos e familiares manifestam seu pesar ao Dr. Geovanne e seus familiares pelo falecimento de seu pai, Sr. Geraldo Alves de Souza, tio, Olímpio Alves de Souza, sobrinho, Thiago Souza Gomes, cunhado, Fernando Gomes de Oliveira, e o amigo, Fernando Rodrigues Leão. Ao Dr. Geovanne e sua família, nosso conforto e orações”, diz a nota.

FONTE: DIÁRIO DA REGIÃO