Fogo consome pastagens e ameaça animais em fazendas da região do Barreiro

0
3393

FOTO ILUSTRATIVA

Um incêndio que começou por volta do meio dia de hoje (10) na fazenda de Lindernei Macedo de Oliveira, na região do rio Barreiro, sentido de Paranaíba para Goiás, já queimou pastagens de três fazendas e continua provocando estragos.

Fogo consome pastagens na região do Barreiro. Foto clicada do Boteco Seco. (FOTO ENVIADA POR MORADORES)

Segundo Solene Oliveira, a propriedade de sua mãe, Antonieta Paula Oliveira (Fazenda Nossa Senhora Aparecida) já foi tomada pelo fogo e está difícil de proteger os animais.

A Fazenda Canta Galo, de Ésio Misssiato, também já está sendo consumida pelas chamas. Caminhões pipas de plantadores de cana estão prestando socorro, mas até o momento os bombeiros ainda não chegaram ao local para ajudar no socorro.

As chamas não estão sendo controladas e o calor e vento colaboram para espalhar o fogo.

A principal suspeita é que um fio da rede de energia elétrica tenha superaquecido com o calor, se rompido e dado início ao fogo no capim seco.