32 C
Paranaíba
sexta-feira, 14 junho, 24
spot_img
spot_img
spot_img
InícioDestaquesGoverno Lula nomeia 121 militares para integrar Gabinete de Segurança Institucional

Governo Lula nomeia 121 militares para integrar Gabinete de Segurança Institucional

Além destes, também foi nomeado militar para ocupar cargo na Segurança Imediata do presidente. Nomeações foram publicadas no ‘DOU’ desta segunda-feira (30).

O governo federal publicou no “Diário Oficial da União” (DOU) desta segunda-feira (30) a nomeação de 122 militares para ocupar cargos na defesa presidencial.

Destes, 121 integrarão o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e um ocupará posição na Segurança Imediata do presidente.

Nas últimas semanas, o governo dispensou mais de 70 militares. Ao longo do mês, houve conversas sobre diminuir a influência militar nas áreas ligadas à presidência.

Conforme divulgado pelo o blog da jornalista Andréia Sadi, entre as possíveis medidas está a transferência da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), hoje sob a alçada do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), para a alçada da Casa Civil, comandada por Rui Costa.

O GSI, entre outras coisas, cuida da segurança do presidente, da família e dos prédios oficiais. Nesta segunda-feira (30), foram nomeados para compor o órgão:

  • 9 supervisores;
  • 28 assistentes;
  • 23 secretários;
  • 60 especialistas.

Além destes, também foi nomeado um assistente para ficar no Escritório de Representação do GSI no Rio de Janeiro, e um assessor para integrar a Assessoria Especial da Secretaria Extraordinária de Segurança Imediata do Presidente da República do Gabinete Pessoal do Presidente da República.

No DOU desta segunda-feira (30) consta ainda a exoneração de dois militares do gabinete pessoal do presidente da República.

- Publicidade -spot_img

MAIS LIDOS