Homem mata irmã estrangulada e improvisa cova para esconder corpo em casa no MS

0
2454

Imagem: Montagem (Arquivo pessoal / Graziella Almeida / Midiamax

Mulher identificada como Patrícia Benites, de 31 anos, foi assassinada por estrangulamento pelo próprio irmão na madrugada desta sexta-feira (27), na casa da vítima, no Bairro Tiradentes, em Campo Grande. Há suspeita de que a vítima também tenha sido estuprada. O caso foi descoberto somente no início da noite, quando familiares encontraram o corpo em uma espécie de cova improvisada atrás do tanque da residência.

Conforme apurado pela reportagem do Midiamax no local do crime, o suspeito é usuário de drogas e teria cometido o crime por volta da 1h da madrugada. Ele passou o dia tentando esconder o corpo da irmã, improvisando uma cova.

Assim, conforme familiares da vítima, o rapaz cavou um buraco atrás do tanque da casa da mulher e encobriu com madeiras.

As informações levantadas pela reportagem dão conta de que o suspeito chama-se Ninho, é usuário de drogas e teria sido capturado pela Polícia Militar. Ele já tem passagem por estupro e estaria usando tornozeleira eletrônica.

Filho da vítima viu tudo

Familiares da vítima relataram ao Midiamax que o filho de Patrícia, de 6 anos, presenciou o crime. “Ele veio tremendo, chorando e falou que “mataram a minha mãe”. Ele ainda teria relatado que o suspeito teria colocado o joelho sobre a vítima e a estrangulado.

Com medo, o menino relatou a situação para a tia, que é irmã da vítima e do suspeito.

FONTE: MIDIAMAX