MINISTÉRIO DO TURISMO COLOCA CASSILÂNDIA NO MAPA DO TURISMO BRASILEIRO

0
44

Certificação reúne os municípios que comprovaram infraestrutura e investimento no turismo

O Mapa de Turismo Brasileiro de 2023 foi divulgado e o Ministério do Turismo colocou Cassilândia no Mapa do Turismo Brasileiro. A certificação, atualizada pelo Ministério do Turismo para o ano de 2023, reúne os municípios que comprovaram ter aptidão efetiva para o turismo e que fazem do setor ferramenta estratégica para a economia da cidade. 

Ministério do Turismo coloca Cassilândia no Mapa do Turismo Brasileiro 1

A classificação leva em conta o desempenho da economia no setor do turismo nas cidades, a partir de algumas variáveis. Cidades agrupadas nas categorias A e B apresentam consistência no setor turístico, com quantidade significativa de visitantes maior quantidade de estabelecimentos e empregos no setor de hospedagem e arrecadação de impostos federais a partir dos meios de hospedagem.

O certificado que tem validade até o dia 20 de abril do ano que vem, foi assinado pela Ministra de Estado de Turismo, Daniela Carneiro e pela Secretária Nacional de Planejamento Sustentável e Competividade no Turismo- Substituta, Débora Vieira Barbosa.

A ministra do Turismo, Daniela Carneiro, ressalta a importância da atualização da ferramenta que permite ampliar a potencialidade do turismo em todo o território brasileiro. “O Mapa do Turismo orienta a atuação do Ministério, incluindo o direcionamento de recursos, e contribui para impulsionar o desenvolvimento do turismo local.

O que é o Mapa do Turismo?

Mapa do Turismo Brasileiro é elaborado pelo Ministério do Turismo para identificar o desempenho da economia do setor e reúne municípios com real vocação turística ou impactados pelo setor de viagem. O objetivo do mapa é colaborar com a definição de políticas públicas, como estabelecer recursos do Ministério do Turismo que serão destinados para obras de infraestrutura e oferta de cursos de qualificação profissional.

Para participar da categorização, os municípios precisam comprovar a existência de um Conselho Municipal de Turismo ativo e ter assinado um termo de compromisso com o Programa de Regionalização do Turismo (PRT). É necessário a existência comprovada de uma instância de governança regional no turismo, que pode ser conselho, associação, fórum ou comitê.

INFORMATIVO 91