PMA prende e autua em R$ 35 mil pescadores com redes e apreende 314 kg de pescado

0
57

Policiais Militares Ambientais de Corumbá realizavam fiscalização na madrugada de hoje (29) no rio Paraguai na região conhecida como Ilha Estrela, a 55 km da cidade no município e prenderam cinco pescadores utilizando petrecho proibido (rede de pesca). Os pescadores estavam em uma embarcação de grande porte do tipo turismo denominada “Estrela”, onde foram encontrados 314 kg de pescado que eles tinham capturado com os petrechos ilegais.

Acoplada à embarcação havia dois barcos de alumínio e um motor de popa de 40 HPs, que também eram utilizados na pesca predatória. Foram apreendidos: a embarcação de grande porte, dois barcos de alumínio, um motor de popa, uma rede de pesca, medindo 130 metros e 314 kg de pescado das espécies pacu, cachara, pintado e barbado.

Os pescadores, de 24, 24, 25, 35 e 43 anos, residentes em Corumbá, receberam voz de prisão e foram conduzidos à delegacia de Polícia Federal, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. Se condenados poderão pegar pena de um a três anos de detenção. Os pescadores também foram autuados administrativamente e receberam multa de R$ 6.980,00 cada um, perfazendo R$ 34.900,00.

FONTE: PM MS