Soraya Thronicke é cotada para disputar a Presidência do Senado após desistência de Bivar

0
49

Senadora por Mato Grosso do Sul, Soraya Thronicke é cotada para ser candidata à Presidência da República pelo União Brasil. A projeção do nome da sul-mato-grossense veio após o deputado federal Luciano Bivar desistir de representar o partido na disputa pelo Planalto, para tentar um novo mandato na Câmara dos Deputados.

Apesar da desistência de Bivar, o União Brasil informou que vai manter a candidatura da legenda à Presidência. Com isso, Soraya que até então era cotada para ser vice na chapa, passou a ser o nome principal do partido.

Em carta enviada ao União Brasil ontem (30), Luciano Bivar disse que conversaria com a senadora sobre a possibilidade. “Vou conversar com a senadora Soraya, que seria minha vice, sobre o assunto. Depois, retornarei a vocês. ”, escreveu.

A convenção do União Brasil está marcada para a próxima sexta-feira (5). Caso Soraya Thronicke ou outro representante não seja escolhido, a tendência é a de que a legenda libere os filiados para apoiarem qualquer um dos candidatos à Presidência.

Eleita em 2018, Thronicke ainda tem quatro anos de manto como senadora, por isso, caso não saia vencedora nas eleições para o Planalto, poderá voltar à cadeira no Senado.

Ao Jornal Midiamax, a senadora Soraya afirmou que já foi procurada por Luciano Bivar e que amanhã segue para São Paulo para novas discussões sobre o tema. “Ainda não existe nada formalizado. Vamos sentar e discutir”, comentou.

A sul-mato-grossense ainda se diz surpresa, no entanto, preparada para a tarefa. “Da mesma forma que o Senado veio, a vida nos traz novas oportunidades. Eu conheço bastante os problemas que o Brasil enfrenta. Sei que esse é um desafio grande, mas, se vier, irei cumprir com honradez