Casal suspeito de tráfico é preso com motocicleta furtada após perseguição em Aparecida do Taboado

0
31

A Seção de Investigações Gerais – SIG, da Delegacia de Polícia Civil de Aparecida do Taboado, após intensa perseguição recuperou uma motocicleta furtada e prendeu, em flagrante, um casal sob acusação de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

A ação foi realizada nesta segunda-feira (29), no momento em que a equipe de policiais civis realizava diligências objetivando a recuperação de motocicleta furtada no domingo (HONDA CG 150 ESD, cor prata), quando, após checagem de várias informações, conseguiram localizar o veículo sendo conduzido em via pública pela pessoa de J. N. B. G. (26 anos), ocasião em que foi abordado no cruzamento da Rua Galeão com a Rua Guararapes, Jardim Aeroporto. 

O indivíduo em questão já era conhecido dos meios policiais, inclusive investigado pelo delito de tráfico de drogas, argumentou que havia adquirido a motocicleta de um terceiro por uma quantia irrisória, entretanto, não soube informar a origem de uma quantia em dinheiro que trazia consigo (em notas miúdas), tampouco soube declarar o valor exato numerário, o que levantou fundadas suspeitas dos investigadores acerca da venda de drogas pelo mesmo.

Em entrevistas com os Investigadores de Polícia, J. N. B. G. acabou por confessar que estava traficando drogas em conluio com sua convivente T. A. S. F. (de 22 anos), e que na residência do casal havia drogas do tipo maconha, cocaína e crack, bem como petrechos para o fracionamento, mistura e embalo das referidas drogas.

Foi realizada diligência na residência do casal, sito a Rua Quintina F. da Silva, Bairro Tia Chica I, local onde foi encontrada a jovem T. A. S. F. a qual também confessou a prática do tráfico de drogas. No imóvel foi localizado 17 (dezessete) porções de maconha, 04 (quatro) porções de “crack”, 23 (vinte e três) porções de cocaína e 01 (uma) porção bruta de cocaína, que ainda seria fracionada e embalada. Registre-se que a maior parte das drogas estavam enterradas, prática bastante comum que visa dificultar os trabalhos policiais e evitar a prisão em flagrante, porém, a perspicácia e o profissionalismo da equipe contornaram essa adversidade com tranquilidade. 

No imóvel também foram localizados balança de precisão, tesoura, papel plástico transparente, petrechos estes utilizados para pesar, cortar e embalar drogas, indicativos incontestáveis da prática do tráfico de drogas pelo casal.

J.N.B.G e T.A.S.F. foram apresentados a Autoridade Policial, juntamente com os objetos da ocorrência, o qual determinou a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante pela prática dos crimes de TRÁFICO DE DROGAS, ASSOCIAÇÃO PARA O TRÁFICO e RECEPTAÇÃO, sendo, após os procedimentos de polícia judiciária, recolhidos a carceragem anexa a esta Delegacia de Polícia, onde permanecem a disposição da Justiça.

FONTE:POLÍCIA CIVIL