Estelionatário faz vistoria de carro alugado e polícia descobre que é golpe

0
394

Um homem de 39 anos de idade fez perícia de um veículo de locadora em uma empresa de vistoria em Paranaíba. Como o cidadão demonstrou nervosismo na hora da vistoria, uma testemunha avisou a polícia que acabou descobrindo que o veículo era de locadora e estava alugado e não era produto de venda, tratava-se de golpe.


Após a denúncia, policiais civis realizaram diligências e encontraram o veículo em um despachante aqui na cidade. Ao indagar o homem que estava com o veículo, ele disse que era produto de compra e passou o nome que estava no recibo de transferência como se fosse dele, que tinha a locadora como vendedora e o nome de um comprador (supostamente ele).


De início, o marginal disse que teria adquirido o veículo em Uberaba (MG). O CRV (Certificado de Registro de Veículos) havia sido assinado da locadora para o comprador e reconhecido firma em um cartório na cidade de Abadia de Goias (GO), no dia 28 setembro, e outro reconhecimento na cidade de Trindade (GO), na mesma data, para o vendedor.


Quando os policiais questionaram o estelionatário sobre o motivo da transferência estar sendo realizada em Paranaíba, respondeu ser pela agilidade. Pela fragilidade das informações e da suspeita de fraude, o indivíduo foi conduzido à delegacia, onde passou seu verdadeiro nome. Ele possui passagem por tráfico de drogas.


O homem relatou aos investigadores que se trata de uma situação muito complicada e que o “Caso seria muito grande”. Ele foi preso e está à disposição da justiça.