Jovem morre esfaqueado depois de confusão com mulheres em bar

0
1956

Vítima foi socorrida por amigos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital

André Luiz Rodrigues de Oliveira, de 25 anos, foi morto com duas facadas na noite deste domingo (29) em Cassilândia, a 418 km de Campo Grande. O assassino foi identificado como Valdecreir Candido, de 45 anos, e preso em flagrante.

A Polícia Militar foi chamada para atender uma briga no “Bar do Lourinho”, no Bairro Izanópolis, onde um senhor estava caído no chão sendo agredido por várias pessoas e que um outro homem havia sido esfaqueado e socorrido por amigos para o hospital da cidade.

Chegando no local os policiais encontraram Valdecreir com o rosto coberto de sangue e com escoriações pelo corpo. O homem disse à polícia que a briga começou por causa de duas mulheres e não deu mais detalhes. A polícia apreendeu a arma do crime, um canivete com 10 centímetros de lâmina.

O dono do bar confirmou a versão sobre as mulheres e contou que Valdecreir estava sendo agredido por pessoas que viram ele esfaqueando André, tentando fazer justiça com as próprias mãos. O proprietário do local contou ainda que viu André se distanciando da briga até cair no chão e ser socorrido por amigos.

Valdecreir foi preso em flagrante e estava sendo encaminhado, pela Polícia Militar, para o hospital da cidade quando a morte de André foi confirmada. De acordo com o registro policial, os familiares de André estavam na unidade de saúde à espera de Valdecreir para tentar justiça com as próprias mãos, então a polícia decidiu mudar a rota e levou o preso direto para a delegacia da cidade.

André morreu por causa de uma perfuração abaixo do mamilo esquerdo, próximo ao coração, ele também estava com um corte no tórax. Valdecreir responderá por homicídio qualificado por motivo fútil e sem chances da vitima se defender. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Cassilândia.

FONTE: CAMPO GRANDE NEWS