Mulher é mantida em cárcere e estuprada por amigo do marido na frente de crianças

0
560

Uma mulher, de 35 anos, conseguiu fugir e ser salva depois de ser mantida em cárcere privado por cerca de 3 dias pelo marido de 50 anos, na cidade de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande. Ele acabou preso por policiais da Dam (Delegacia de Atendimento da Mulher).

A mulher conseguiu fugir na última segunda-feira (12), mas o caso só veio à tona nesta quarta-feira (14). De acordo com informações da delegada da Dam, Letícia Mobis, passadas ao site JP News, a mulher conseguiu escapar na última segunda (12), gritando por socorro pelas ruas do bairro, sendo ajudada por uma vizinha, que a recolheu na sua casa até a chegada dos policiais.

A vítima estava com vários machucados pelo corpo e com muita fome. Ela contou, quando foi socorrida pela vizinha, que estava sendo mantida em cárcere privado por três dias pelo marido e que estava com muita fome. A mulher foi agredida pelo marido com uma barra de ferro e estava com roxos no rosto e nas pernas.

Ainda segundo informações, a mulher foi estuprada pelo amigo do marido com o consentimento do autor, que ficou olhando o crime. Ela ainda disse que as crianças, sobrinhos do marido, que estavam na casa, foram obrigadas a assistir o estupro. A vítima contou que era agredida sempre e que ninguém nunca a ajudou. A vizinha que a socorreu contou que costumava ouvir gritos de socorro da casa onde a vítima morava.

Assim que a polícia teve conhecimento do crime, o homem acabou preso e o Conselho Tutelar acionado. As crianças e a mulher estão em lugar seguro, segundo a delegada. 

MIDIAMAX