75% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas Integradas I foram interceptadas no MS

0
31

No período de 13 de setembro a 03 de outubro de 2021 as forças policiais dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso do Sul participaram da “Operação Fronteiras e Divisas Integradas I”, de combate ao crime organizado em todas as suas vertentes, como o tráfico de drogas, contrabando, descaminho, roubo de carga e demais crimes patrimoniais e contra a vida.

Pela primeira vez foi realizada uma ação sistêmica entre estados, Forças Armadas, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Receita Federal do Brasil e órgãos federais, estaduais e municipais. A Operação envolveu não só o trabalho de repressão aos criminosos, mas a investigação e, principalmente, a desestruturação e a descapitalização dessas organizações.

A Operação foi um marco para as ações integradas de grande porte, pois conseguiu inovar a forma estratégica de sincronizar as ações no tempo e no espaço. Isso ocorreu devido a um grande trabalho integrado de inteligência estratégica realizada entre os participantes da Operação.

Durante os mais de 20 dias, a Operação Fronteiras e Divisas Integradas prendeu mais de 2 mil criminosos e apreendeu cerca de 40 toneladas de drogas e 200 armas de fogo.

Apesar dos resultados serem altamente expressivos, o maior sucesso dessa Operação está representado pela evolução e amadurecimento das ações integradas entre as forças estaduais e federais no combate mais efetivo contra o crime organizado.

Fronteiras e Divisas no MS

Em Mato Grosso do Sul a Operação Fronteiras e Divisas Integradas I contou com um efetivo de 6.247 policiais e agentes de segurança, 2.183 viaturas, 54 embarcações, 19 drones e 5 aeronaves.

Ao todo foram apreendidas nas fronteiras e divisas de Mato Grosso do Sul com outros estados e países mais de 30 toneladas de entorpecentes, o que representa 75% das drogas tiradas de circulação na Operação, 36 armas de fogo, 61,8 mil maços de cigarros e recuperados 26 veículos furtados ou roubados.

Durante a ação foram abordados no Estado 44.273 pessoas e 28.893 veículos e vistoriadas 368 embarcações.

Na tarde desta terça-feira (05), foi realizada uma videoconferência de encerramento e apresentação dos resultados, que contou com as participações dos representantes das instituições participantes e dos secretários de Segurança do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso do Sul.

O secretário de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, Antonio Carlos Videira, destacou a importância da operação e da integração das forças de segurança para o combate e repressão ao crime organizado. “Alinhada às ações do Plano Nacional de Segurança Pública, a Operação Fronteiras e Divisas Integradas I proporcionou por meio da integração, uma rigorosa fiscalização e combate aos crimes transfronteiriços, principalmente o tráfico de drogas”, pontuou.

Em Mato Grosso do Sul a Operação Fronteiras e Divisas Integradas foi coordenada pelo Gabinete de Gestão Integradas de Fronteira e Divisas (GGIFRON-DIV) e, em nível nacional pelo Centro de Operações Integradas da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

Joelma Belchior, Sejusp

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!