Assassino de Valéria condenado a mais de 27 anos de prisão

0
868

Sérgio da Silva Virginio, 33, foi condenado a 27 anos, sete meses e 26 dias de reclusão por cometer feminicídio contra sua ex-companheira Valéria Ribeiro de Oliveira ocorrido em 14 de maio de 2020. O julgamento foi nesta quinta-feira (7).  

Ele foi condenado por homicídio triplamente qualificado, violação de domicílio e porte ilegal de arma de fogo e ainda terá de indenizar os herdeiros de Valéria no valor de 10 salários míninos.

Cabe recurso da decisão.   

O crime.

Valéria, 30 anos, morreu após ser baleada e esfaqueada pelo ex-marido no início da noite (14-05-20) no cruzamento da avenida Aristide Klafke com a rua José Garcia leal, no bairro Santa Lúcia, próximo a academia Shotokan.

Informações são que a vítima teria sido baleada, e em um vídeo filmado por vizinhos, é possível ver o autor agredindo a vítima com uma faca na frente da filha dela.

Em entrevista a uma rádio de Paranaíba, o policial militar Fausto disse que quando chegou no local encontrou a vítima no chão ensanguentada e o autor pedindo para que os militares tirassem a vida dele.

Os agentes entraram na área da casa onde ocorreu o crime e resgataram a vítima, o autor enquanto era conduzido à viatura foi agredido por parentes da vítima sendo necessária a intervenção da polícia que realizou disparos de arma de fogo.

Ambos foram encaminhados à Santa Casa, a mulher passou por cirurgia, mas não resistiu.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!