Com ventos de 53 Km/h, temporal teve 43,5 mm de chuva e mais de 1,2 mil raios

0
62

Com ventos de até 53,5 Km/h o temporal da tarde desta quarta-feira (29), acumulou 43,5 milímetros de chuva em apenas 1h20, na Capital. Das 14h40 até às 16h também foram registrados 1.279 raios em Campo Grande, de acordo com o meteorologista Natalio Abrahão, da Uniderp.

Na região da Upa (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Universitário foi onde mais choveu, 45,3 mm. Seguido da Vila Santa Luzia (41,2 mm), Jardim Panamá (35,1 mm) e Embrapa (33,0 mm). No Carandá Bosque o acumulado foi de 29,6 milímetros.

Transtornos – De alagamentos a quedas de árvore, a “chuvarada” desta tarde, causou transtornos em diversos bairros. Na Avenida Capibaribe, região do Bairro Santo Antônio, uma van ficou ilhada em meio a um alagamento. Situação semelhante também ocorreu na Rua dos Simões, no Parque dos Novos Estados onde um veículo teve de ser empurrado, depois de “afogar” na rua tomada pela água.

No Conjunto Residencial Mata do Jacinto, um ingazeiro de grande porte caiu sobre dois veículos na Rua Luís Carlos Petengil e até um casal foi arrastado pela água em córrego na Vila Olinda.

No interior – Ribas do Rio Pardo é onde mais choveu até o momento, nesta quarta-feira. Por lá, caiu 64,8 mm de chuva o que resultou em enchentes. Também houve precipitação em Três Lagoas (21,4 mm), Maracaju (15,2 mm) e Aquidauana (14,2mm). Em Bonito, o temporal com ventos de 53 Km/h teve acumulado de 46,6 milímetros de chuva. Pelo menos 15 árvores foram derrubadas pelo vento na cidade. Ainda conforme o meteorologista, não choveu em Ponta Porã, Dourados, Corumbá, Ivinhema, Bataguassu, Dois Irmãos do Buriti e São Gabriel do Oeste.

Alertas meteorológicos – Desde às 10h (MS), Mato Grosso do Sul está sob dois alertas de tempestade. Classificado com severidade de “perigo potencial” o primeiro alerta vai até às 10h de amanhã (30) prevê chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, ventos intensos (40-60 km/h) e até queda de granizo em todos os municípios do Estado. Há baixo risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de galhos de árvores e de alagamentos, ainda conforme o Instituto.

O segundo aviso prevê chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia e ventos intensos (60-100 km/h) em 66 cidades do Estado, dentre elas estão Campo Grande, Aquidauana e Bonito. Este segundo aviso também termina às 10h de amanhã (30).

FONTE: CAMPO GRANDE NEWS