Frente fria derrubou temperatura em 11ºC e chuva pode vir ácida

0
666

Chuva ácida pode acontecer na Capital depois de mais de dois meses de estiagem

Às 7h da manhã de ontem, os termômetros marcavam 28,°C. Vinte e quatro horas depois, a temperatura da Capital era de 17ºC. A queda de 11 graus foi sentida por quem acordou cedo nesta quinta-feira (26).

Meteorologista, Natálio Abrahão explica que a frente fria já está aqui, mas que a temperatura deve ficar nisso mesmo. Não está previsto nenhum frio como sentido anteriormente.

A boa notícia vinda com essa frente fria, é que a umidade relativa do ar, que chegou a 10% na Capital, está alta. Hoje, ela amanheceu em 94% e por volta das 9h, estava em 85%.

A chuva prevista para chegar na Capital só no sábado, pode ser ácida, isso porque, segundo o meteorologista Natálio Abrahão, Campo Grande já está há mais de dois meses sem chuva e com as queimadas, essa possibilidade não é descartada.

“A chuva ácida é uma reação química, nela, você tem dióxido de carbono, que é o resultado da queimada. Se você põe água e ela reage com o dióxido de carbono, vai formar ácido de carbono e a resposta vai ser a chuva ácida”, explica.

Essa possibilidade não é descartada para a Capital, mas pode acontecer, se houver chuva significativa. “Campo Grande ainda não tem essa possibilidade de chuva, está chovendo mesmo no Sul do Estado”, pontua Natálio.

Sul do Estado – Hoje, já chove no Sul do Estado nas cidades de Ponta Porã, Amambai, Sete Quedas e Porto Murtinho. Essas regiões estavam há pelo menos dois meses sem chuva.

FONTE:CAMPO GRANDE NEWS