32 C
Paranaíba
sexta-feira, 14 junho, 24
spot_img
spot_img
spot_img
InícioDestaquesPM é preso acusado de 'não querer trabalhar' ao pedir licença para...

PM é preso acusado de ‘não querer trabalhar’ ao pedir licença para tratamento psicológico em MS

Policial recebeu voz de prisão de tenente-coronel em Campo Grande.

Um policial militar recebeu voz de prisão de um tenente-coronel depois de pedir licença para buscar tratamento psicológico nesta sexta-feira (29), em Campo Grande. O superior teria detido o policial sob alegação de que ele se recusou a trabalhar.

Segundo informações obtidas pela equipe de reportagem do Jornal Midiamax, o militar teria sido ‘humilhado’ pelo superior ao chegar para trabalhar nesta manhã. Em seguida, o policial devolveu a arma ao pelotão e pediu pediu permissão para ir ao FAF (Fundo de Assistência Feminina) porque precisava de apoio psicológico, no entanto, recebeu voz de prisão.

Segundo os relatos, o tenente-coronel teria alegado que o militar não queria trabalhar. À equipe de reportagem do Jornal Midiamax, a assessoria de comunicação da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul confirmou a prisão do policial, no entanto, não informou o motivo.

Conforme as informações, o militar passará por audiência de custódia até o início da próxima semana. A assessoria de comunicação disse ainda que não recebeu informações mais detalhadas sobre o caso e que todos os envolvidos serão ouvidos a respeito do fato.

A reportagem também solicitou dados sobre a quantidade de policiais afastados por problemas psicológicos, no entanto, foi informada de que não há dados específicos sobre os motivos de afastamento dos militares.

Fala Povo: O leitor pode falar direto no WhatsApp do Jornal Midiamax pelo número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Se preferir, você também pode falar com o Jornal direto no Messenger do Facebook.

Você pode enviar flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões com total sigilo garantido pela lei.

Acompanhe nossas atualizações no FacebookInstagram e Tiktok

Fonte: Midiamax

Principais Notícias

- Publicidade -spot_img

MAIS LIDOS